Operação-SC-VI Uma promoção do:
Operação-SC-VI Uma promoção do:
Sinta-se livre para entrar em contato:
Notícia 31.08.2016

As cinco startups catarinenses contempladas para participar do AdMaCom (Advanced Materials Competition), programa de aceleração organizado pela rede internacional INAM (Innovation Network Advanced Materials), aterrissaram em Berlim neste final de semana. Delas, 3 são oriundas do Programa Sinapse da Inovação SC – iniciativa da FAPESC operada pela Fundação CERTI -, uma está incubada no Inaitec (Palhoça) e outra é de São Bento do Sul.

No domingo (28), aconteceu a abertura do programa – Kick off – , onde as startups apresentaram suas tecnologias, aplicações e principais desafios para grandes empresas parceiras do programa, que irão fornecer infraestrutura, conhecimento e apoio financeiro. De acordo com Danny Krautz, membro do conselho da INAM, as equipes brasileiras chegaram muito bem preparadas e já tiveram ótimas discussões com profissionais do Grupo Trumpf, LG, Henkel, Imperial College, Metro, entre outros.

 

berlim

Na foto da esquerda para a direita, Caroline Dallacorte – Sócia da PackID e Luiz Pinage – Sócio da DUE Laser

 

Na ocasião, a startup PackID, contemplada pelo Sinapse da Inovação,  foi convidada pelo Dr. Paolo Bavaj, Diretor Corporativo de Novos Negócios da Henkel, para conhecer a empresa alemã, especializada em produtos químicos, cosméticos e adesivos. A visita a Henkel, que tem sua sede na cidade de Düsseldorf, já foi pré-agendada para o dia 14 de outubro, e o Diretor reforçou o interesse em discutir oportunidades de negócios com a startup catarinense na ocasião.

A partir de agora, as cinco empresas brasileiras e mais 10 oriundas de outros países irão dar início ao ciclo de aceleração de seis semanas, que irá reunir equipes corporativas, empresas nascentes, pesquisadores e mentores.  Durante esse período, as quinze startups selecionadas irão receber treinamentos, assim como orientações de negócios e tecnologia para desenvolver produtos e soluções inovadoras.

A etapa final ocorre no dia 10 de outubro, em Berlim, com representantes de empresas e do governo local durante uma noite de apresentações. Na ocasião, uma banca de jurados irá oferecer, em dinheiro e serviços, prêmios no valor de 30 mil euros para os vencedores do AdMaCom. Além disso, as startups terão contato com investidores, corporações internacionais, fornecedores de materiais e desenvolvedores de aplicativos que estarão presentes no evento final.

 

Empresas brasileiras selecionadas para o AdMaCom

 

  1. NanoScoping (Sinapse da Inovação SC)
  2. PackID (Sinapse da Inovação SC)
  3. Due Laser (Sinapse da Inovação SC)
  4. Alkimat (incubada da Inaitec – Palhoça)
  5. Etax (São Bento do Sul)

 

Notícia 26.08.2016

Até o dia 07 de setembro estão abertas as inscrições para o Startup Chile, um dos maiores programas de aceleração do mundo, que oferece recursos financeiros e diversos benefícios atraindo empreendedores de vários países. Criado pelo Governo do Chile, o Startup Chile tem o objetivo de disseminar a cultura empreendedora e transformar o país em um dos maiores hubs de empreendedorismo e inovação da América latina.

São selecionadas por ano entre 200 e 250 empresas em 3 programas distintos:  S Factory  voltado para empresas fundadas por mulheres, o Seed  para empresas em estágio inicial e o Scale, para empresas com melhor desempenho no programa e instaladas no Chile.

 

O Seed  é um programa de aceleração com duração de 6 meses para empresas em estágio inicial (até 2 anos de existência) com um produto funcional já validado. São selecionadas entre 80 e 100 empresas que recebem 20 milhões de pesos chilenos (cerca de 30 mil dólares), espaço coworking no Chile e benefícios como:

 

  • SUP Academy: Programa de formação (workshops, palestras e outras experiências de aprendizagem),
  • Peer to peer e Pitch Training: pequenos grupos de cerca de 8-10 empresas que se reúnem semanalmente para troca de feedbacks e experiências.
  • Conexões: mentores globais e locais, investidores e redes de mercado.
  • Eventos: externos e internos (Demo Day and Tech noite).
  • Experiência: Soft-landing e atividades internas para promover o trabalho em rede e networking.

 

O programa fornece visto de trabalho por um ano para as equipes estrangeiras e até 300 mil dólares em serviços, como por exemplo: Amazon Web Services, Microsoft BizSpark, Facebook Start, entre outros.  É necessário que pelo menos um dos fundadores da startup contemplada more no Chile durante o período de aceleração e participe de um programa de impacto social que tenha o propósito de promover a inovação e empreendedorismo no país.

 

Algumas sinápticas já foram aceleradas pelo programa chileno, como é o caso da Jetta Soft, que desenvolve soluções logísticas e foi contemplada na quarta edição, e a Qualiall, empresa que desenvolve soluções para segurança no trabalho e foi contemplada na segunda edição do Sinapse.

 

As inscrições devem ser realizadas através do site do programa  www.startupchile.org/apply-seed/  até o dia 07 de setembro.

 

 

Notícia 24.08.2016

Até 23 de setembro de 2016, a plataforma InovAtiva Brasil vai receber inscrições de projetos inovadores de 24 unidades da federação – AM, AC, AL, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SE, SC e TO¹ . Serão R$ 20 milhões destinados a projetos intensivos em tecnologias inovadoras ou capital intelectual, contemplando as cinco regiões brasileiras.

O Sebrae contribuirá para aumentar a competitividade e a produtividade dos pequenos negócios com potencial de alto impacto.

O subsídio será de até R$ 120 mil por projeto, com prazo de execução de até 24 meses. Serão reservados, no mínimo, 20% dos recursos para projetos de cada modalidade de empresas das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, desde que atinjam pontuação mínima conforme critérios de classificação previstos no edital.

Finalistas do Programa InovAtiva, empresas incubadas, graduadas, aceleradas ou instaladas em parques tecnológicos receberão uma pontuação extra de 10% no processo de classificação.

 

Conheça as modalidades

 

Desenvolvimento Tecnológico: os projetos empresariais de inovação são apresentados pela empresa inovadora, com contratação de uma Entidade de Ciência, Tecnologia e Inovação (ECTI) que tenha competência técnica para prestar os serviços descritos no documento.

 

Encadeamento Tecnológico: os projetos empresariais de inovação são apresentados pela empresa inovadora em parceria com uma média ou grande empresa que deseje executar um projeto de inovação de interesse mútuo, com contratação de uma ECTI que tenha competência técnica para prestar, total ou parcialmente, os serviços descritos no documento, conforme regras e condições do edital.

 

Serão apoiados projetos empresariais nos limites e percentuais de acordo com a tabela abaixo, conforme a modalidade em que estiverem enquadrados.

 

2016-08-23 - Tabela Edital Sebrae*O valor total do projeto poderá ser maior que os valores da segunda coluna, mas deverão ser respeitados os limites estabelecidos nas demais.

 

O edital pode ser conferido aqui e os projetos selecionados serão divulgados na data prevista de 16 de dezembro de 2016.

 

(1) Não aderiram ao edital AP e SP. Sendo assim, micro e pequenas empresas localizadas nesses estados não poderão participar deste Edital. Essa vedação não se aplica às médias e grandes empresas em projetos de Encadeamento tecnológico com empresas dos demais estados.

 

Fonte: Sebrae

Notícia 23.08.2016

O Edital SENAI SESI de Inovação 2016 está com inscrições abertas, oferecendo aporte de até R$ 400 mil para o desenvolvimento de projetos inovadores em empresas industriais e startups de base tecnológica.  Lançado em 2004 pelo Serviço Nacional de Aprendizagem industrial (SENAI) e o Serviço Social da Indústria (SESI), o Edital SENAI SESI de Inovação, até o ano de 2015, aprovou 686 projetos em parceria com 589 empresas industriais brasileiras e startups de base tecnológica com investimentos de mais de R$ 380 milhões em projetos inovadores.

O objetivo do edital é financiar o desenvolvimento de novos produtos, processos e serviços inovadores da indústria nacional, partindo da premissa de que a inovação é a base para a competitividade da indústria brasileira. Empresas industriais de todos os portes e startups de base tecnológica podem submeter ideias e são 87 Institutos de inovação e tecnologia do SENAI espalhados por todo o país que dão suporte na execução dos projetos.

Saiba como funciona:

infografico_etapas5

 

As empresas podem enviar propostas para o ciclo 2016 até o dia 07 de novembro, nas categorias: INOVAÇÃO EM SST E PROMOÇÃO DA SAÚDE, PROTÓTIPOS DE INOVAÇÃO e INOVAÇÃO TECNOLÓGICA.

Acesse o site do Edital SENAI SESI de Inovação para baixar o edital, se inscrever e saber mais.

 

 

Fonte: Edital SENAI SESI de Inovação 2016