Operação-SC-VI Uma promoção do:
Operação-SC-VI Uma promoção do:
Sinta-se livre para entrar em contato:
Notícia 20.10.2016

A Atar, a primeira empresa brasileira a desenvolver uma tecnologia vestível que realiza pagamentos, foi destaque na reportagem do Mundo S/A, da GloboNews, que abordou o mercado de tecnologias direcionadas ao pagamento através de dispositivos móveis e wearables. A startup catarinense foi uma das empresas contempladas na quarta edição do Sinapse no estado e passou por diversos outros programas nacionais e internacionais de aceleração e empreendedorismo.

O produto desenvolvido pela sináptica é composto por hardware e software. A Atar band é uma pulseira que efetua pagamentos a partir da aproximação do acessório com a máquina de cartões, o que é possível graças à tecnologia NFC (Near Field Comunication) que permite a troca de informações entre dispositivos compatíveis que estejam próximos um do outro. Através de um aplicativo da Atar, o usuário coloca “créditos” na pulseira de acordo com sua necessidade e ao efetuar uma compra, o valor é debitado da conta corrente virtual.

A pulseira é texturizada de silicone poligênico, é totalmente à prova d’água e tem como diferencial a não utilização de bateria para o seu funcionamento. Quando questionado pelo repórter da GloboNews sobre o mercado e os desafios para encarar os gigantes concorrentes como Samsumg Pay e Apple Pay, Orlando Purim, CEO da Atar, afirmou que enquanto os produtos das gigantes são de custo mais elevado e tem instituições financeiras por trás do sistema de pagamentos, a Atar desenvolve tanto o software quanto o hardware, e finaliza: “A Atar é uma empresa de experiência, quer entregar uma experiência completa para o usuário.”

A sináptica realizou uma campanha de pré-venda do produto, que foi um sucesso, com mais de 1000 dispositivos encomendados. Os próximos passos da empresa são: a fixação da marca pelo Brasil, o reforço do uso da pulseira e o desenvolvimento de novos dispositivos.

Confira a reportagem na íntegra através do link: http://bit.ly/ATAR-MundoSA-

atar

Notícia 19.10.2016

Nesta segunda-feira, dia 17 de outubro, aconteceu no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, a cerimônia de entrega da 8ª edição do Prêmio Odebrecht para o Desenvolvimento Sustentável. O grande vencedor foi o projeto “Painel solar híbrido: tecnologia capaz de gerar eletricidade e água quente em um sistema único de alta eficiência” desenvolvido pela sináptica Soluz Energia, contemplada na quarta edição do programa no estado.  O sócio da empresa Henrique Luis Hipólito, formado em engenharia mecânica pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC, foi quem recebeu o prêmio durante a cerimônia.

2016-10-18-soluz-2

O objetivo do Prêmio é reconhecer e incentivar os jovens universitários que se propõem a pensar a engenharia, arquitetura e agronomia em uma perspectiva sustentável e gerar conhecimento sobre o tema, difundindo essas novas ideias junto à comunidade acadêmica brasileira e à sociedade em geral. Nesta edição foram mais de 250 trabalhos inscritos por 875 alunos e orientados por 269 professores dos cursos de professores dos cursos de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de 128 instituições de ensino superior no Brasil.

Os projetos são avaliados de acordo com a sua viabilidade econômica, responsabilidade ambiental e inclusão social. Cada trabalho recebeu R$ 60 mil, divididos em R$ 20 mil para o autor (ou autores), R$ 20 mil para o professor orientador e R$ 20 mil em a instituição de ensino. Criado em 2008, o Prêmio Odebrecht já distribuiu R$ 1 milhão ao longo da sua história, só no Brasil. O prêmio também é replicado em outros 11 países.

Além disso, a Soluz Energia desde o dia 09 de outubro participa em Portugal do programa de aceleração EDP Open Innovation. Em Lisboa, a startup concorre a 50 mil euros e permanece em aceleração até novembro.

 

 

 

 

Com informações:  Prêmio Odebrecht para o desenvolvimento sustentável

Notícia 18.10.2016

Seu projeto precisa de um impulso para chegar ao mercado? Se você tem uma grande ideia e potencial para implementá-la, a AES realizará amanhã (19/10) na ACATE, em Florianópolis, um evento para apresentar para o ecossistema catarinense a iniciativa, falar sobre o futuro da energia e sobre as oportunidades do setor e apoio aos projetos. Inscreva sua ideia na Aceleração de Projetos da AES Brasil Inovação e torne-se parceiro da AES, uma das empresas mais inovadoras do país e referência global em energia.

Local:

Centro de Inovação ACATE – Espaço Primavera Garden – Bloco CIA

Rodovia SC 401, Nº 4120, Km 4 – Bairro Saco Grande

Inscrição para o evento: https://goo.gl/kB4sTQ

A AES busca projetos que possam gerar inovação em produtos, serviços ou modelos de negócios, e, além disso, startups com equipes talentosas, conhecimento de mercado, da tecnologia e disposição para construir em conjunto nas seguintes áreas: Internet das coisas, Energy Storage, Eficiência Energética, Geração Distribuída, Veículo Elétrico.

O que a AES oferece aos seus parceiros:

Até R$ 500 mil em apoio financeiro; Aceleração de projetos; Acesso ao mercado; Oportunidades de negócios; Força técnica no campo; Laboratórios equipados; Escritório em São Paulo; Know-how do mercado.

roadshow_florianopolis_certi

 

Notícia 14.10.2016

Nos dias 04 e 05 de novembro o Social Good Brasil (SGB) realizará a 5ª edição do Seminário que, em 2016, se torna o Festival Social Good Brasil de inovação, com direito a muito conhecimento, conexão, espetáculos e diversão. O evento contará com grandes nomes do Brasil e do mundo para discutir e viver inovação social de diversas formas, falar sobre tendências de futuro e como elas influenciam nos modelos organizacionais, novos comportamentos e na forma como trabalhamos.

Durante os dois dias os participantes vão acompanhar painéis, participar de oficinas, rodas de conversas, mutirão na comunidade, assistir atrações artísticas e muito mais. Tudo isso acontecerá em duas Arenas: inspiração e conexão. A Arena inspiração Vai reunir 400 pessoas (capacidade máxima do local) para acompanhar a agenda com painelistas convidados e interagir no espaço media lounge. A Arena conexão promove o que o evento tem de melhor: conexão entre pessoas da rede SGB. Com capacidade de 150 pessoas, é nesta Arena que acontecem as atrações artísticas, rodas de conversa com painelistas, food trucks e muito mais. Além de transmitir num telão tudo vai rolar na Arena Inspiração.

Para inscrições presenciais, é possível contribuir com uma doação de valor livre. A transmissão online é gratuita. Dylan Hendricks é um dos painelistas internacionais confirmados, expert de uma das maiores referências mundiais de futurismo, oInstitute for the Future. Outra painelista é a Darlene Damm, da Singularity University, que vai compartilhar um pouco de seu trabalho com tecnologias exponenciais como alternativas para resolver os problemas sociais mais urgentes do mundo.

Em 4 edições, o SGB reuniu quase 4.000 pessoas presencialmente e mais de 33.000 pessoas online em todo o mundo. Em 2016, o evento acontece no Centro de Inovação – CIA Primavera, em Florianópolis e as inscrições para participar presencialmente ou pela internet estão abertas em pelo site do Festival.

 

festival-social-good-2016-620x300